A Força Aérea de Autodefesa retomou na quinta-feira os vôos de treinamento usando caças F-35A, encerrando sua suspensão após o acidente de um F-35A em abril.

O ministro da Defesa, Takeshi Iwaya, anunciou a retomada no início do dia, dizendo que o treinamento poderia ser reiniciado porque o ASDF conduziu inspeções de segurança na aeronave e forneceu aos pilotos programas de reciclagem.

O ministro também citou que o governo municipal de Misawa, a prefeitura de Aomori – a localização da base de Misawa à qual o jato acidentado pertencia – concordou com a retomada.

No entanto, vôos de treinamento noturno não serão realizados por enquanto, disse Iwaya.

“Tomamos todas as medidas possíveis para garantir a segurança dos vôos [pelo F-35As]”, disse o ministro em uma entrevista coletiva.

O F-35A caiu nas águas da Prefeitura de Aomori em abril, durante um vôo noturno de treinamento, matando o piloto. A ASDF disse em junho que o piloto provavelmente havia caído em um estado de desorientação espacial, ou perda de consciência situacional, no momento do acidente.

مصدر: يوميوري شيمبون

الإعلانات

اترك تعليق:

يستخدم هذا الموقع Akismet لتقليل المحتوى غير المرغوب فيه. تعرف على كيفية معالجة بيانات تعليقاتك.